Um dia de trabalho no marketing de papelaria




Ahhh a vida de papeleiro. Um sonho de muitos, realidade de alguns, mas por trás disso, existe aquela galera da correria, do planejamento, da criação, da divulgação, das noites viradas a café, das olheiras e do mau humor (risos risos)...


Você já perguntou como é o dia a dia de quem trabalha em uma equipe de marketing de uma empresa de canetas, de papelaria?



Aposto que muitos de vocês já pensaram até em trabalhar com isso.


Bom, eu vou contar pra vocês um resumo de como é viver diariamente com essa rotina de trabalho, vai que um dia você venha nos ajudar, pelo menos já vai estar preparado!


A primeira parte do trabalho e mais fundamental é estar atento a tudo. Qualquer coisa pode ser uma referência estética, uma base de criação, de argumentação ... Nosso trabalho é convencer as pessoas que nosso produto é melhor que x ou y. É vender uma coisa sem necessariamente ter que vender. Confuso né? Mas não é muito não, você se acostuma, calma.


Em meio a esse monte de referências, entram a música, as trends, as redes sociais, o público alvo e claro, nossa reuniões. Às vezes interminavéis. Às vezes, reuniões que poderiam ser resolvidas por e-mail kkk mas tudo faz parte de um grande processo que faz a engrenagem girar, e quando falo de engrenagem, falo das nossas cabeças tentando alinhar ideias para chegar num denominador comum, que é trazer novos produtos, funcionais, criativos e que agradem vocês.





Nesse momento você deve estar pensando: "Ahhh, você falou que era um bicho de 7 cabeças, mas até que é tranquilo."


Bom meu pequeno gafanhoto, a resposta para sua conclusão pode ser SIM e NÃO. Porque é sim fácil criar produtos, pensar em novidades a partir do momento que já temos um caminho a seguir, mas a concepção de algo novo é MUITO trabalhosa. São horas e mais horas fazendo alterações em embalagens, pensando o que podemos criar de atrativo no produto, pensando em novas cores, buscando aprovações aqui e ali, e entre tudo isso, mais reuniões para pensar em novos produtos, para alinhar expectativas, corrigir e diminuir possíveis erros, muitas e muitas doses de café ...


Mas as coisas também não são ruins como parecem. É divertido, empolgante, criativo, realizador e tem uma coisa que ninguém conta, mas é fundamental para as coisas darem certo: trabalhar com uma equipe colaborativa. Todos vão ter suas falhas, mas um complementa e auxilia o trabalho do outro e isso faz as coisas no final acontecerem!





Eu disse que ia jogar a real pra vocês. Fácil não é! Nem sempre você estará de bom humor, na verdade, muitas vezes vai estar estressado, mas tem uma live de lançamento para acontecer, então engole o choro, mete um sorriso na cara e faz acontecer, você não escolheu isso? Então dê o seu melhor. Todos os dias.


Isso não quer dizer se matar de trabalhar, perder a saúde, não ... o seu melhor hoje pode ser inferior ao melhor de ontem, superior ao de amanhã, todos temos dias bons e ruins, mas no final, o que importa mesmo é gostar do que faz e se dedicar, pois grande parte do trabalho é a jornada até a conclusão. E ISSO É GOSTOSO DEMAIS!



7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo